11/07/2018 | Eleições 2018

Eleições 2018: automatize a emissão de recibos eleitorais e dispense a correria durante a campanha


Por Guilherme Anderson Sturm
CEO and Founder
Tempo de leitura: 2 minutos

A pré-campanha é um momento de muitas decisões e de planejamento. É hora de focar esforços em cada detalhe, em cada passo a ser seguido. (Sobre este assunto, fizemos um infográfico com 11 passos fundamentais a serem realizados neste período).

Em outras ocasiões já frisamos bem esta frase, mas nunca é demais repeti-la: os pré-candidatos precisam dar atenção ao que realmente importa, ou seja, fazer política. A gestão de campanha e a preocupação com questões burocráticas do dia a dia não podem desviar o foco de quem vai concorrer nas eleições 2018.

Por isso, neste momento de pré-campanha, é importante escolher serviços e plataformas que automatizem as demandas. Já imaginou fazer manualmente recibos eleitorais? Ou juntar toda a papelada para fazer a prestação de contas da campanha? Sem o uso da tecnologia, tais demandas se tornam praticamente inviáveis.

Já escolheu a sua plataforma de financiamento coletivo? Ainda dá tempo!

Com o Robô de Arrecadação sua campanha terá um hotsite exclusivo, com links para compartilhar nas redes sociais

Doações eleitorais precisam de recibo?

Precisam! Só pra relembrar: as plataformas virtuais que trabalham com financiamento coletivo estão liberadas para arrecadar recursos desde o dia 15 de maio. Os serviços online devem estar cadastrados na Justiça Eleitoral, bem como, devem divulgar a lista de doadores e quantias arrecadadas. As doações virtuais recebidas pelo partido precisam emitir recibo eleitoral. Escolha uma plataforma de financiamento coletivo que forneça os recibos de forma automática e que te deixe livre desta preocupação. Outro ponto importante: as doações estimáveis em dinheiro também precisam de recibo eleitoral – e a emissão dos recibos também pode ser automatizada.

Prestação de contas de campanha

Neste momento que antecede o pleito, é importante também saber que é possível automatizar a prestação de contas da campanha (monitorando o CNPJ do candidato, importando notas, acompanhado a movimentação bancária e entregando a prestação de contas ao TSE).

Já imaginou na economia de tempo e na praticidade ao automatizar uma função tão complexa como esta?

COMPARTILHE:
MATÉRIAS RELACIONADAS
12/12/2017 | Eleições 2018

Gastos de pré-campanha: evite contratempos com a Justiça Eleitoral

Aqui no blog temos falado bastante do período da pré-campanha e as ações pontuais que devem ser realizadas neste período. Afinal de contas, todo o período que antecede o dia 16 de agosto de 2018, pode ser com...
05/02/2018 | Prestação de Contas

Resolução TSE 23.553/2018: arrecadação e aplicação de recursos para as eleições

O Tribunal Superior Eleitoral aprovou nesta semana, a Resolução 23.553/2018 que disciplina a arrecadação e aplicação de recursos por partidos políticos e candidatos para as eleiç&otild...
20/02/2018 | Prestação de Contas

ALERTA: Seu partido recebeu doações de cargos de chefia e direção em 2017?

É chegada a temporada das prestações de contas partidárias. Simm, período de muita correria para as siglas. É preciso organização desde já para que não haja surpresas em abril de 2...
08/03/2018 | Prestação de Contas

TSE na mira da arrecadação e gastos de campanha

A corrida eleitoral de 2018 já começou. Mas partidos e candidatos precisam ficar atentos: o novo presidente do Tribunal Superior Eleitoral, Luiz Fux, vai mudar a análise dos dados de arrecadação e gastos de campanha...