03/09/2018 | Prestação de Contas

Contratação de gastos: confira as dicas da Essent Jus sobre o tema


Por Guilherme Anderson Sturm
CEO and Founder
Tempo de leitura: 2 minutos

Na nota de combustível é preciso anotar a placa do carro? Como proceder quando o assunto é doação estimável? Pode misturar os recursos de doação de campanha, Fundo de Financiamento de Campanha e Fundo Partidário?

Quando o assunto é contratação de gastos, quais são as boas práticas que envolvem o tema? Acompanhe os blog posts da Essent Jus sobre esta temática.

As dicas que vamos compartilhar com você são o resultado da experiência da empresa, com anos de estrada, realizando a prestação de contas de partidos e candidatos. Alguns insights são bastante simples, mas não anotar um dado, não registrar uma informação da forma correta, pode gerar muitas dores de cabeça durante a prestação de contas.

OBS: perdeu o primeiro post da série? Você pode acessá-lo AQUI.

Perdeu o segundo também? Confira AQUI.

 

Confira as dicas de hoje: 

- Nas notas de combustíveis, devem ser indicadas as placas dos veículos que foram abastecidos. E os carros, de alguma maneira, devem constar na prestação de contas. 

- Nos gastos com hotelaria devem ser indicadas as pessoas que usufruíram do serviço (coloque uma observação na própria nota fiscal). O mesmo vale para passagens terrestres, aéreas e táxis.

Prestação de contas da campanha: sabia que o envio pode ser automatizado?

- Tome cuidado com as doações estimáveis: observe a propriedade do bem cedido/doado ou a capacidade de prestar o serviço doado. Fique atento também a atribuição de valor, que deve ser condizente com o mercado. 

- Atenção: em hipótese alguma você pode misturar os recursos entre as contas correntes de Doações de Campanha, Fundo Especial e  Fundo Partidário.

- Para gastos pagos de maneira antecipada, como combustíveis, por exemplo, proceda da seguinte maneira: na data do pagamento, solicite ao fornecedor um recibo de antecipação. Conforme for consumido o crédito, o fornecedor emitirá as notas fiscais. Ao final, crédito menos débitos precisam ser correlacionados/conciliados.

 

 

COMPARTILHE:
MATÉRIAS RELACIONADAS
27/08/2018 | Prestação de Contas

Contratação de gastos eleitorais: quais as boas práticas sobre o tema?

Despesas com transporte, aluguel de prédios, publicidade e propaganda, funcionamento de comitês, criação e inclusão de sites na internet, realização de programas de rádio e TV: a campanha eleitor...
29/08/2018 | Prestação de Contas

Fique por dentro das boas práticas sobre contratação de gastos eleitorais

Quando o assunto é contratação de gastos, quais são as boas práticas que envolvem o tema? É preciso guardar nota fiscal? Quais informações devem ser anotadas? Pode utilizar cheque? O que é...
12/12/2017 | Eleições 2018

Gastos de pré-campanha: evite contratempos com a Justiça Eleitoral

Aqui no blog temos falado bastante do período da pré-campanha e as ações pontuais que devem ser realizadas neste período. Afinal de contas, todo o período que antecede o dia 16 de agosto de 2018, pode ser com...
05/02/2018 | Prestação de Contas

Resolução TSE 23.553/2018: arrecadação e aplicação de recursos para as eleições

O Tribunal Superior Eleitoral aprovou nesta semana, a Resolução 23.553/2018 que disciplina a arrecadação e aplicação de recursos por partidos políticos e candidatos para as eleiç&otild...