07/02/2018 | Prestação de Contas

CRM para políticos: entenda a importância


Por Guilherme Anderson Sturm
CEO and Founder
Tempo de leitura: 3 minutos

Uma das maiores queixas da população é que os políticos só aparecem em período eleitoral. Concorda? No entanto, se o seu desejo é vencer uma eleição, você deve estar ao lado das pessoas o máximo de tempo possível, e uma ótima ferramenta para isso é um CRM para políticos.

Mais da metade da população brasileira já conta com acesso à internet, principalmente através dos dispositivos móveis, segundo o IBGE. Esse crescimento trouxe consigo uma infinita gama de informações, que são “consumidas” principalmente através das redes sociais.

Mas o uso não é apenas recreativo — as pessoas usam essas mídias para dialogar, expor sua opinião e fiscalizar.

Por isso, neste artigo apresentaremos para você o que é CRM e qual a sua importância para os políticos. Confira!

O que é CRM

CRM significa Customer Relationship Management, ou gestão de relacionamento com o cliente. Representa não apenas um software, mas uma estratégia de negócio focada única e exclusivamente no cliente, com informações coletadas pela equipe.

Por meio desse sistema, é possível manter um banco de dados detalhado de cada consumidor (de produto ou de conteúdo), bem como um histórico de interações que ajude a enriquecer e personalizar atendimentos futuros.

Por meio de tantas informações que recebem em tempo real do CRM, as equipes têm melhores condições de preparar os leads para venda.

O CRM passa pela implantação de uma cultura voltada para o atendimento ao cliente. Não adianta contar com o melhor sistema se o foco no cliente não está enraizado na organização, visando à obtenção de informações relevantes e adequação das estratégias.

Como funciona um sistema de CRM

Após entender o que é um CRM, é importante saber como ele funciona e alguns dos princípios envolvidos no seu uso. Dentre as principais características do CRM podemos destacar:

1. Opera em nuvem

A grande maioria dos sistemas CRM funciona por meio da computação em nuvem, por conta dos benefícios que isso traz. Entre os principais estão:

  • Segurança: as informações não ficam armazenadas no HD; logo, se o computador tiver algum problema no hardware, software ou até se for roubado, você não perderá as informações;
  • Facilidade de acesso: os dados podem ser acessados de qualquer lugar e através de diferentes dispositivos, bastando para isso ter acesso à internet;
  • Trabalho em equipe: várias pessoas podem ter acesso e trabalhar juntas para atingir o objetivo proposto. Cada pessoa possui um login, e é possível acompanhar quem fez e o que foi feito, além de determinar níveis de acesso.

2. Automatiza parte das tarefas

Se pensou que o CRM não passa de uma lista de contatos com alguns recursos extras, saiba que ele faz bem mais que isso.

Boa parte das tarefas comuns que você costuma realizar manualmente pode ser automatizada, permitindo que dedique mais tempo a atividades que agreguem maior valor.

Entre as ações que podem ser automatizadas estão o cadastro de prospectos e a busca de certas informações durante um atendimento.

3. Integra diferentes áreas

Outra característica do CRM é que ele beneficia toda a organização pela integração de diferentes áreas. Não se trata apenas de um sistema de vendas ou de automação de marketing. Na verdade, ele também ajuda no suporte e sucesso do cliente.

Tudo isso facilita o diálogo entre profissionais de diferentes equipes e setores, que passam a entender melhor a situação uns dos outros, dos prospectos, e a colaborar melhor entre si em busca do melhor resultado.

A importância do CRM para políticos

Assim como os prospectos estão cada dia mais exigentes e cobrando melhores produtos e serviços, os cidadãos estão cada vez mais de olho nos políticos, especialmente em virtude da maior crise política já enfrentada pelo país.

Diante desse cenário, é preciso que o político tenha foco na qualidade e eficiência na prestação de serviços e, principalmente, que saiba se relacionar com os seus eleitores e população, mostrando o resultado do seu trabalho e mantendo um canal aberto de comunicação.

O CRM auxilia na gestão de gabinete, possibilitando qualidade no atendimento ao cidadão, oferecendo informações relevantes que tornarão mais fácil a elaboração e o gerenciamento de projetos, fazendo frente às demandas da sociedade.

É importante ressaltar que a implantação de um CRM depende do apoio da equipe, adotando o processo focado no cidadão, tendo a tecnologia como facilitador.

CRM na gestão de gabinetes

Na prática, como o CRM pode ajudar na gestão do gabinete? No cotidiano, o político recebe muitas pessoas e a ferramenta pode ajudar com:

  • divulgação;
  • enquetes;
  • relacionamento;
  • coleta automática de informações;
  • armazenamento de dados;
  • prestação de serviços etc.

Essas mesmas informações gerarão relatórios e alimentarão indicadores de desempenho, facilitando a definição da estratégia e a tomada de decisão.

Além disso, o CRM para políticos gerencia as demandas parlamentares em qualquer ponto de acesso à internet (computador, celular, tablet), disponibilizando informações em tempo real, melhorando a comunicação entre a equipe.

São programas que proporcionam aos parlamentares e seus assessores controle de emissão de ofícios, cadastramento de atendimentos, controle e acesso à agenda, entre outros benefícios, evitando desperdícios de tempo enquanto o parlamentar garante a satisfação dos cidadãos.

Controle de solicitações da população

Por uma simples falta de atualização, diversos políticos perdem a oportunidade de melhorar a eficiência do seu mandato. Se entendermos que é nesse período que há a fidelização dos eleitores, essa mudança se torna cada vez mais necessária.

Manter o controle sobre as solicitações da população é sempre complexo. Com um software, você pode direcionar as demandas para diversos membros da equipe do seu gabinete e ainda monitorar o andamento delas. Dessa forma, fica muito mais fácil manter o cidadão atualizado sobre seu pedido.

Comunicação com o eleitor

Muitos políticos pensam, erroneamente, que a campanha é feita apenas em ano eleitoral. Porém, é no mandato que o político fideliza o seu público e mostra como trabalha por ele. Os softwares automatizam esse processo de comunicação, com o envio de informativos regulares através de e-mail, SMS e carta para eleitores e colaboradores.

Além de permitir a programação de data e hora de envio, você também pode trabalhar de forma segmentada, ou seja, por sexo, grupo social, região, profissão, aniversário, voto (conquistado, a conquistar ou perdido), entre outros.

Deu para perceber que o CRM para políticos é muito mais do que um software, e sim uma ferramenta importante, com foco no cidadão, um facilitador na gestão de gabinete e a melhor forma de criar e manter um relacionamento com o seu público?


Pauta produzida em parceria com a Suíte de Gerenciamento Político

[E-BOOK] Tudo que você precisa saber sobre as alterações propostas pela Reforma Política

Baixe agora mesmo o e-book
COMPARTILHE:
MATÉRIAS RELACIONADAS
27/11/2017 | Eleições 2018

#Eleições2018: como aproveitar ao máximo o período da pré-campanha?

Simmm! A cada dia que passa, o pleito de 2018 fica mais próximo. Mas apesar de a campanha começar apenas no dia 16 de agosto do ano que vem, o seu trabalho já poderia ter começado ontem...Isso mesmo! Comece agora...
11/12/2017 | Eleições 2018

Data para começar sua pré-campanha: agora!

A cada dia que passa, o pleito de 2018 fica mais próximo. Mas apesar de a campanha começar apenas no dia 16 de agosto do ano que vem, o seu trabalho já poderia ter começado ontem. Isso mesmo! A sua pré-cam...
12/12/2017 | Eleições 2018

Gastos de pré-campanha: evite contratempos com a Justiça Eleitoral

Aqui no blog temos falado bastante do período da pré-campanha e as ações pontuais que devem ser realizadas neste período. Afinal de contas, todo o período que antecede o dia 16 de agosto de 2018, pode ser com...
09/02/2018 | Eleições 2018

INFOGRÁFICO: 11 passos para serem realizados durante a pré-campanha

Quais são as prioridades da pré-campanha? É possível durante este período fazer microarrecadação?  Para auxiliar partidos e candidatos, elaboramos um infográfico com 11 passsos fudamentais...